Cresce spam e malware em redes sociais

Uma pesquisa realizada pela Sophos apontou que o uso de redes pode trazer riscos de segurança para usuários domésticos e corporativos. O estudo aponta o crescimento do uso de spam para disseminar ameaças virtuais com malware e spyware, por exemplo. Entre os sites de maior risco estão o Facebook, Myspace, LinkedIn e Twitter.

O número de usuários que receberam spam em 2009 cresceu cerca de 70{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724} em relação a 2008. 36{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724} dos cadastrados nos saites afirmaram o recebimento de links maliciosos, o que representa um aumento de 69,8{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724} em relação ao ano anterior.

A rede mais perigosa, segundo o relatório, é o Facebook, escolhido por 60{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724} dos respondentes. Logo em seguida aparecem o MySpace (18{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724}), Twitter (17{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724}) e o LinkedIn (4{2924376de9395e8cfc15acd815d9baaef6b6fe70f0a6744e7eb0f6aa07a10724}). A abrangência do Facebook como um dos sites mais populares do gênero, com 350 milhões de usuários, é uma das razões para torná-lo o alvo mais tentador.

[Via INFO]

Uma pesquisa realizada pela Sophos apontou que o uso de redes pode trazer riscos de segurança para usuários domésticos e corporativos

Autor: Marco Andrei Kichalowsky

Editor-chefe do macnarama.com, é applemaníaco e trabalha com produtos Apple desde 1993. Foi presidente do Brasil Apple Clube durante 10 anos e colaborador da saudosa Macmania e sua herdeira MAC+ até o fim da revista em 2015.