macOS completa 20 anos de existência: acompanhe sua evolução

Captura de tela do Mac OS X 10.0 Cheetah. Créditos: DavzTheEditGuy, Wikipédia

Em 24 de março de 2001, a Apple lançava oficialmente a tão desejada e esperada nova geração de sistemas operacionais para o Mac, que iria substituir o antigo “System”, chamado hoje de “Mac OS Classic”.

Batizado de Mac OS X, o novo sistema trouxe muitas novidades e se diferenciava drasticamente dos sistemas anteriores, principalmente no seu conceito. Enquanto que o Mac OS Classic era um sistema monolítico, o Mac OS X trazia a ideia os sistemas do tipo Unix, com um núcleo central (kernel) enxuto, que se comunicava diretamente com o hardware e era acionado pelos diversos utilitários para as tarefas auxiliares. Esta nova estrutura possibilitava a execução de vários processos simultâneos, no que se chama de multitarefa preemptiva.

Este novo conceito trouxe também um espaço maior para a melhora do desempenho do Mac OS e logo de início a Apple quis destacar esta melhoria, dando o codinome de Cheetah (Guepardo, em Português) para a versão 10.0 do novo sistema.

Outra característica notável do novo sistema era ser multiusuário, onde várias pessoas podem usar o computador ao mesmo tempo, cada um com sua área reservada de documentos.

Para completar, por cima dessa novíssima tecnologia, o Mac OS X também trazia um “Finder” totalmente remodelado, um dos recursos mais amados pelos macmaníacos.

Acompanhe os 20 anos de evolução do macOS neste vídeo produzido pelo jovem macmaníaco Martin Nobel.

Autor: Marco Andrei Kichalowsky

Editor-chefe do macnarama.com, é applemaníaco e trabalha com produtos Apple desde 1993. Foi presidente do Brasil Apple Clube durante 10 anos e colaborador da saudosa Macmania e sua herdeira MAC+ até o fim da revista em 2015.